Ads Top

FILME: De repente é amor Crítica/resenha


Titulo: De repente, é amor
Titulo original: A lot like love
Classificação: 



O que você faria se você planejasse toda a sua vida, e nada do que foi planejado acontecer? O que você faria se o destino te apresentasse um alguém que te deixaria tão apaixonado, que você ficaria cego de amor, a ponto de não perceber que aquela pessoa te ama?




De repente é amor, conta a história de Oliver (Ashton Kutcher), que mora com os pais e está sempre viajando atrás dos seus sonhos, atras do que quer para sua vida, seu maior sonho é montar um negocio, a onde possa trabalhar com venda de fraudas. Em uma de suas viagens, ele conhece Emily (Amanda Peet), uma garota estranha que havia acabado de finalizar um relacionamento com um músico ao qual aparentemente ainda sente alguma coisa por ele, e por ironia do destino... Ambos estão de viajem a Nova York. Ele, a negócios, ela... Mora na cidade.




Marcado por encontros e desencontros de repente é amor conta como o mundo pode nos mostrar a quem amamos, e quando é para ser... Nada vai te impedir, não importa o que aconteça. Só para vocês terem uma noção.. Após o encontro que tiveram de primeira.. Eles somente voltam a se ver 7 anos depois ! Logo mais se vêem novamente, e depois mais 6 meses depois, e finalizando com mais 2 anos depois.

Sem contar muito da história, espero que vocês gostem, e se surpreendam com o filme, assim como eu me surpreendi. E deixe o amor bater a sua porta.

Trailer:
Tecnologia do Blogger.