Ads Top

Introdução ao mundo do jornalismo: Escrita, revisão e público


O universo do blogueiro, ou simplesmente do jornalismo consiste muito mais do que simplesmente aprender a escrever. Algumas pessoas acham que ter um blog, ou simplesmente cuidar de um para que um dia ele se torne conhecido/reconhecido pelo o que faz é a tarefa mais simples do mundo, e não é bem assim que funciona. 

Hoje iremos introduzi-lo no universo online, explicando o que de fato um blogueiro faz. Serão apresentadas técnicas e oferecidas dicas de como desenvolver de maneira otimizada seus textos online. É importante entender que um blogueiro vai além de uma simples escrita online, combinando várias técnicas aplicadas no meio digital. O papel do blogueiro é entender a linguagem dos usuários online, seus temas preferidos, suas características, cruzar essas informações com técnicas especializadas para a web, como SEO, e oferecer um conteúdo de alta taxa de conversão online.

Jornalismo Vs webwiriting


Webwriting vs jornalista

Muitos confundem a função de um webwriting com a de um jornalista. No entanto, se preocupar com as taxas de rejeição, e como os mecanismos de pesquisa "leem" uma noticia, por exemplo, são tarefas que não cabem a um jornalista.



Vamos entender melhor o significado de ambos para que não haja duvidas:



Webwriting: É um conjunto de técnicas que auxiliam na distribuição de conteúdo informativo em ambientes digitais. Sua função está ligada à: Entreter, conversar e conduzir o leitor, sempre dando atenção á:


  1. A arquitetura da informação
  2. Gestão do conhecimento
  3. Hipertextualidade
  4. Interatividade
  5. Multimídia
  6. SEO
  7. Formatação
Jornalismo: É uma atividade profissional, que consiste em lidar com noticias, dados factuais, e divulgação de informações. Sua função consiste em: Coletar, redigir, editar e publicar informações, dando atenção sempre à:

  1. Instantaneidade
  2. Velocidade
  3. Observação e descrição dos eventos
  4. Coleta de dados
  5. Matérias
  6. Artigos
Pontos em comum: Redação e revisão de conteúdo textual.

Jornalismo



Técnicas para escolher os melhores títulos



Em 99% dos casos de webwiriting, o título é seu principal ponto de atração. É por meio dele que o usuário vai julgar em questão de segundos se aquilo vai ou não valer o tempo dele, por isso é importante que seu título transmita da melhor forma possível a ideia do seu texto, e incite o seu público a leitura.



Para atingir este objetivo é preciso testar, testar a forma de escrever, as melhores palavras, a melhor disposição, cada detalhe faz toda diferença no mundo online. Mas para agilizar estes processos já adiantamos algumas dicas, para fazer com que seus títulos de fato convertam:



Brainstorm



Essa é uma técnica ensinada para publicitários há décadas. O brainstorm parte do princípio de que as primeiras ideias nunca são as melhores, e é preciso descarta-las para dar espaço para novas e melhores ideias. Inclua essa técnica na criação do seu título, pegue papel e lápis e escreva tudo o que vier a mente, jogue essa fora, agora pegue um outro papel em branco e comece de novo. Com esta prática você vai percebendo que seus títulos vão ficando cada vez melhores e o processo cada vez mais intuitivo.



Objetividade



Seja claro e pontual, seu título deve ser o mais brevemente possível do que se trata o seu texto, isso funciona tanto para os olhos distraídos do internauta, quanto para o algoritmo dos sistemas de busca, eles leem até 65 caracteres dos títulos, lembre-se que estamos falando aqui de pessoas que tem inúmeros estímulos visuais por segundo, e é bom que seu título entregue a mensagem logo na primeira lida.



Destaque-se



A competição é enorme, e nunca nos cansamos de falar sobre o tamanho dela na web por aqui, o internauta sempre está sujeito a novos textos aparecendo em sua tela a todo momento.

Para se destacar crie diferenciais no seu texto que podem ser transmitidos no seu título. Pesquisas apontam que porcentagens, listas e números chamam muito mais a atenção de um usuário. Por tanto ao invés de escrever por exemplo, "Como atrair o seu público", tente a abordagem "5 dicas para atrair o seu público".


Essas três dicas dão o pontapé inicial para sobrepor o seu título aos outros, mas lembre-se sempre de se atualizar, pesquisar e informar sobre seu público e as temáticas em alta. Isto é indispensável.


Jornalismo



Estabelecendo diálogo com os leitores



A geração digital possui características particulares, sendo a maior parte delas vinculadas a agilidade. As informações precisam ser pontuais, objetivas e, mais importante, entregues com a maior rapidez possível.



Um dos formatos adotados de Marketing para a aproximação do diálogo com o usuário online é o Marketing de Conteúdo, o preceito desse método é a criação do conteúdo relevante, que combine a expertise do interlocutor e o interesse do receptor, para a criação de um relacionamento digital.



A aplicação do Marketing de Conteúdo pode ser aplicada em 4 partes: Análise, atração, conversão e manutenção. Como nas diversas estratégias de comunicação, o primeiro processo é entender o seu público alvo (análise), saber os interesses e hábitos com quem você quer criar um relacionamento.



Na internet, com perfis de Facebook, Twitter, sistemas de busca como o Google, além das diversas pesquisas de perfil de consumidor divulgadas, cumprir esta etapa está cada vez mais acessível. No entanto, o início do seu diálogo vai depender inteiramente do seu sucesso dessa primeira etapa.



Se a análise foi bem realizada, o próximo passo se torna simples. Para atrair o usuário para a conversa , basta combinar sua experiência, seu diferencial, com um interesse dele que complemente. Por exemplo: Você pretende falar sobre televisão e  identificou que sue público se interessa, principalmente por programação de ação e policial. 



Parte do seu caminho está traçado, faça um post no seu blog com as melhores séries ou filmes de ação policial ou filmes que serão exibidos na televisão, ou simplesmente invista em uma publicação no Facebook sobre este segmento. A tendência em receber acessos e respostas ao seu material é grande. Mas lembre-se, esse é um processo contínuo, mantenha sua pesquisa atualizada e as postagens em dia.



Seguindo a atração, vem a conversão, não basta atrair o usuário, você deve conquistá-lo. Para isso, fique atento ao linguajar do seu público, á como eles tendem a se manifestar com algo que gostam ou não. Entenda os sinais para saber se está agradando. Quer elevar essa conversa para um outro nível? Então crie um material de interesse do seu público, e troque pelo endereço de e-mail dos usuários.




O e-mail é uma forma de se manter conectado com os usuários, esteja eles online ou não, e ainda vai te ajudar muito na próxima etapa. Todas as etapas até agora são contínuas, devem estar sempre muito bem atualizadas e em movimento. A manutenção não é diferente. Você conquistou a atenção do usuário, fez com que ele se envolvesse na sua conversa, agora é hora de tornar este relacionamento o mais duradouro possível.



O trabalho é muito maior quando o assunto é conquistar um novo usuário do que o de se manter o atual, concordam? Então trabalhe bem o relacionamento com o público conquistado.



Mantenha o relacionamento próximo com e-mails ocasionais, divulgue conteúdos, sempre relevantes para que o público continue envolvido nos diálogos, e periodicamente faça uma breve pesquisa para entender o seu público.



Lembra que começamos falando de agilidade? Pois é, a internet está em constante mudança, assim como os interesses do seu público. Mantenha-se atualizado.


Webwiriting



Formatação de conteúdo:



A forma como seu texto é apresentado online, é decisivo entre atrair um leitor ou repeli-lo. Algumas características básicas na hora de formatar seu conteúdo digital são: Ser objetivo, oferecer um layout agradável, utilizar imagens e atender a expectativa do título.



No universo online existem inúmeras distrações, links relacionados, vídeos, listas, redes sociais, e as chances de tudo isso parecer ser mais interessante do que o seu conteúdo, são altas.



Por isso, seja objetivo no seu texto, não fuja do assunto que propôs a tratar,a final, o usuário está ali por que quer ler sobre "aquele" tema, se isso não acontecer, logo ele se dispersa e deixa a sua página.



Visual é muito importante na internet.



Com tanta poluição visual, o usuário está sempre em busca de uma área de respiro, torne sua página essa área, um ambiente confortável de visualizar.Use poucas cores, sempre trabalhando em harmonia, com contraste onde se quer destacar, cuida da diagramação da página. Não use caixa alta ou pontos de exclamação em excesso, ou boxes de animação piscando, isso dá a sensação de que alguém está gritando com você.



O layout da sua página é um dos grandes responsáveis pela aceitação do seu conteúdo.



Imagens são importantes personagens no seu conteúdo, elas não funcionam só como um alívio para os olhos entre uma parte do texto e outra, mas também como complemento para o seu texto.



Uma fotografia ou uma ilustração pode exemplificar o que está sendo tratado no texto, ou ainda dar um passo além, oferecendo novos dados, como em infográficos. por fim, mas extremamente importantes: Cumpra a promessa do título.



É de suma importância que o seu conteúdo atenda totalmente o que o seu título anuncia. Ninguém gosta de propaganda enganosa, ela pode até atrair o usuário, mas se ele sair decepcionado, certamente não voltará e ainda terá uma muitas opiniões negativas para compartilhar sobre o seu conteúdo.


SEO



Como funciona o SEO em blogs e sites



Otimização para motores de busca, ou do inglês Search Engine Optmization, SEO, nada mais é do que um conjunto de estratégias voltadas para melhoras o posicionamento orgânico, dos sites nas páginas de pesquisas, tais como: Google, Yahoo, Msn, entre outros.



Para trabalhar esta técnica primeiro é preciso entender que uma página online é lida de duas maneiras: Pelos usuários e pelos motores de busca. Até o momento falamos sobre a parte mais importante deste processo, inclusive para os motores de busca: Falar com os usuários. 



A partir de agora vamos lidar com outro tipo de leitor: Os motores de busca.



Otimizando títulos



O título escolhido deve conter palavras chaves, sempre o mais esquerda possível, ser do tipo h1, conter no máximo 70 caracteres, estar na url do texto, e responder possivelmente a uma pergunta que o leitor faça aos mecanismos de busca.



Otimizando imagens



Mecanismos de busca tem preferências por imagens maiores, , além disso elas devem conter o atributo alt, tamanho e carregamento ideal para o meio digital, e estar bem posicionada no conteúdo.



Otimizando o corpo do texto



Antes de tudo, vale lembrar, que o quanto mais completo for o artigo que publicar, mais fácil será para alcançar o sucesso tanto com o leitor, quando com os mecanismos de busca.



Mas para facilitar o seu trabalho de webwriting, pense que além de passar uma informação com o maior número de dados possíveis, você deve se preocupar em incluir uma densidade razoável de palavras-chaves no texto, mas com cautela, não precisa exagerar.



Use links que apontem para conteúdos relevantes, faça uma boa distribuição de imagens, (devidamente otimizadas), ao longo do texto. Se possível vídeos e  demais documentos como PDF, etc. Inclua também interação com redes sociais (botão de curtir, compartilhar, pinterest, e tweet).





Consideração e nota final



Espero imensamente que você tenha entendido que o trabalho de um blogueiro ou até mesmo de um jornalista de criar e transmitir um conteúdo de qualidade que responda a todas as suas expectativas, não é algo nada fácil. Caso você seja um blogueiro ou dono de algum website, espero que este texto prático sirva de um ensinamento para que você esteja sempre em constante evolução e crescimento.



E para você que pretende criar um site, esperamos que nossas dicas reforcem sua força de vontade, para que você possa começar com o pé direito. 

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.