• NOVIDADES

    segunda-feira, março 13, 2017

    Catraca Indica: 8 Livros infantis

    Google Images

    Trabalhar com crianças é algo fantástico, e com certeza uma das coisas que mais me deram prazer na vida. Hoje em dia eu trabalho com crianças no mundo do teatro, ah, como é bom e incomparável olhar dentro dos olhos de uma criança e enxergar toda sua essência e inocência. Pensando na quantidade de pais que estão necessitando de uma ajuda, auxílio ou até mesmo de exemplos de boas histórias, que ensinem moral, ética e valores humanos, o blog da companhia das letras indicou oito incríveis títulos do selo "companhia das letrinhas", confira conosco abaixo:

    1. O livro da Estéfi, de Estéfi Machado

    Toda criança gosta de brincar - e quando os pais estão no meio da bagunça, melhor ainda! Este livro reúne sugestões de atividades do blog da Estéfi Machado, uma mãe e crafiteira que há anos vem reunindo e compartilhando propostas focadas no princípio de que as crianças podem produzir as próprias brincadeiras. Um livro cheio de ideias e brincadeiras para aproximar ainda mais pais e filhos.

    2. Desenho livre, de Andrés Sandoval

    Desenho livre é mais do que um livro de colorir: é um convite para mergulhar no universo das cores e dos traços, preenchendo espaços e completando o branco com muita imaginação. Neste livro de atividades de Andrés Sandoval, o autor oferece às crianças uma ajudinha para pintar o sete. Do jardim botânico ao universo das silhuetas, o leitor acompanha um garoto em suas andanças pelo mundo das cores e dos traços, e assim é convidado a participar, seja com lápis de cor, giz de cera, aquarela, seja apenas como observador — desta jornada pela criatividade.

    3. O lagarto, de José Saramago

    Você acredita em fadas? Não? Então como explicar a história deste lagarto gigante que surgiu de repente no meio da rua, espalhou o caos entre os moradores da cidade e, no auge da confusão... Melhor não contar, mas garanto que uma coisa impressionante aconteceu! O que será? Convido você a descobrir - e depois ter coragem de reafirmar que continua não acreditando em fadas. O lagarto é o livro infantil de José Saramago, um bom jeito de apresentar para os pequenos leitores as histórias deste grande escritor. 

    4. As gêmeas de Moscou, de Luis Fernando Verissimo

    Olga e Tatiana são irmãs gêmeas e bailarinas. Mesmo com a aparência física igual, as duas não poderiam ser mais diferentes: Olga se destacava mais que Tatiana no balé, mas era arrogante e tratava mal a irmã, que, mesmo assim, com seu jeito doce, sempre a apoiava. Certa noite, porém, quando a meia-calça de Olga cai na frente de todos durante uma apresentação, ela acaba recebendo uma lição valiosa, nesta primeira história infantil de Luis Fernando Verissimo.

    5. A elefantinha que queria dormir, de Carl-Johan Forssén Ehrlin

    A elefantinha Ellen quer muito dormir, mas sua casa fica do outro lado da floresta mágica. Nesta história, as crianças vão acompanhá-la ao longo de sua jornada e, junto com ela, encontrar finalmente o sono e o relaxamento. Através de uma história simples, mas contada com as palavras e a entonação certa, o sueco Carl-Johan Forssén Ehrlin’s ajuda os adultos a conduzirem as crianças a um estado de relaxamento que vai ajudá-las a adormecer com tranquilidade - tanto de noite quanto na soneca diurna -, transformando a hora de dormir em um momento prazeroso de leitura para toda a família.

    6. Se..., de David J. Smith

    Se... é um livro para atiçar a curiosidade em todas as crianças. Se fosse possível condensar 3,5 bilhões de anos de vida no planeta Terra em apenas uma hora, os dinossauros apareceriam no 56o minuto e teriam se extinguido três minutos depois. E os humanos só surgiriam bem no finalzinho do tempo, com apenas 0,2 segundos para existir. Neste livro, o leitor conhecerá diversas informações como essas. Tudo aquilo que parece grande demais ou impossível de se medir - a Via Láctea, os continentes, a água, o dinheiro, a população mundial - é reduzido ao tamanho de objetos comuns do nosso dia a dia, convidando todos nós a enxergar o mundo de uma maneira completamente diferente.

    7. Coisa de menina, de Pri Ferrari

    O que é coisa de menina? Oras, isso é algo que toda menina (e todo menino) deveria saber muito bem. Afinal, é na infância que a gente percebe que não existe regra e que todo mundo pode tudo: tem menino que gosta de brincar de casinha, tem menina que gosta de construir foguete. Por que, então, temos que nos adaptar a certos padrões de comportamento? Por que ainda dizem por aí que certas coisas não são apropriadas para mulheres? Este livro é para todos aqueles que acreditam na liberdade como a melhor escolha — e que têm certeza que meninas fizeram, fazem e farão muito mais.

    8. Você conhece a Píppi Meialonga?, de Astrid Lindgren

    Quando Píppi Meialonga chega na Vila Vilekula, os irmãos Tom e Aninha ficam bastante felizes, pois queriam muito uma nova amiga. E eles têm uma grande surpresa ao descobrir que Píppi é uma menina diferente de qualquer outra: ela é tão forte que consegue carregar um cavalo sozinha e tão habilidosa que, ao mesmo tempo que faz tranças no cabelo, amarra os sapatos — e, quando vai ao circo, ainda se equilibra em um arame na frente de todos! É claro que, com tanto talento, os três vão viver as mais divertidas aventuras.
    Quer mais dicas? Participe do Companhia Indica e receba indicações personalizadas de leituras que são ótimos presentes. 

    Nenhum comentário: