• NOVIDADES

    quarta-feira, maio 24, 2017

    [RESENHA #134] As merdas de um Youtuber, Gabriel Gomes

    Título: As merdas de um Youtuber
    ISBN: 9-788566-442144
    Autor: Gabriel Gomes
    Editora: Hyria 
    Ano: 2017 | Páginas: 110

    As merdas de um Youtuber narra a vida de Gabriel Gomes, proprietário do canal "E ae Gabriel G". O livro é narrado em primeira pessoa e conta-nos um pouco das aventuras vividas pelo Youtuber antes e depois da fama.

    Gabriel do Nascimento Gomes (16), é Youtuber e escritor do livro "As merdas de um Youtuber", publicado pela editora Hyria com sede em São Paulo. O livro possui como foco o entretenimento acerca de histórias e momentos vividos por Gabriel até mesmo antes da criação de seu canal "Eae Gabriel G".

    O livro possui uma narrativa simples e direta e descreve fatos e lembranças da vida escolar, cotidiana e familiar de Gabriel. Aos acostumados com literatura de entretenimento, poderão ver que o livro de Gabriel assemelha-se muito com o livro da também Youtuber Júlia Tolezano (Jout Jout), ao escolher contar suas histórias em mini contos, tornando assim o livro, um livro de narrativas curtas, claras e diretas.

    Também iremos conhecer como foi o início do canal e todas as dificuldades enfrentadas por Gabriel ao encontra-se sem o apoio dos amigos, da família e até mesmo dos colegas. Com o passar do tempo, Gabriel decide novamente criar um novo canal e regravar vídeos, o primeiro vídeo "maioridade" teve aprovação da mãe que o deixou continuar com seus projetos, após este período o canal só cresceu. Mil, duas mil, dez mil, cinquenta mil, cem mil inscritos até chegar ao marco de UM MILHÃO E QUATROCENTOS MIL inscritos que Gabriel possui atualmente.

    Eu era zoado pelo meu tamanho, pelo meu cabelo, pelos meus dentes tortos e principalmente por não ter dinheiro (p. 15)

    Gabriel também conta-nos um pouco de sua dificuldade na infância e de todos os problemas enfrentados devido á diferentes problemáticas. E claro, alguns bons momentos com a família, como a reunião em família no natal, quando Gabriel conta-nos de seus presentes recebidos pela tia e a intervenção da mãe.

    Mãe, cala a boca. Deixa a minha tia me dar mais. É o mínimo que ela faz, já sou pobre e ainda vou ficar recusando presente à toa? Se liga, né (p. 20)

    E claro, conta-nos suas desgraças como qualquer pessoa que não tem nada a esconder...

    Naquele dia estava chovendo. No meio da bagunça, não percebi a poça d'água, escorreguei nela e taquei a boca no chão, só senti o impacto... (p. 25)

    COMENTÁRIOS PESSOAIS

    O livro possui uma narrativa bem direta e diferente daquilo com o qual estou habituado, afinal, não estou acostumado com literatura de entretenimento, mas convenhamos que este livro ficou maravilhoso. Gabriel é um fofo em todos os sentidos, principalmente em suas várias fotos que ilustram seu livro. Indico este livro cegamente à todos os fãs de literatura de entretenimento, e claro, a todos os fãs de boas doses de risos. Ler este livro é como conversar com um amigo de longa data.