• NOVIDADES

    terça-feira, agosto 22, 2017

    [RESENHA #181] O livro das coisas que nunca aconteceram, Ana Luiza Savioli

    Foto: Marcio Zanini | Acervo Pessoal | Divulgação

    O livro das coisas que nunca aconteceram. SAVIOLI, Ana Luiza. São Paulo, Hoo Editora. 2017. 400p ISB 978-856-993-109-6 / R$ 35,90

    Vou começar essa resenha na mais pura sinceridade.
    Existe duas coisas que eu não sou fã, e isso não quer dizer que eu estou certo e os outros estão errados, é apenas uma questão pura e simplesmente de gosto pessoal.
    Não é minha preferencia de história livros YA ( Young Adults- Jovens adultos) e romance entre pessoas jovens de 15 anos.

    Mas existe algo que eu amo, que é ser surpreendido.
    E foi uma imensa e grata surpresa ler: O livro das coisas que nunca aconteceram.
    Posso arriscar dizer que foi o ápice da grata surpresa que tive esse ano ao sair da minha zona de conforto e ler algo que normalmente não leria.

    Recebi o livro de parceria e é inegável que a capa e o título me chamaram atenção, antes mesmo de saber sobre o que a história tratava. E foi assim, ser saber nada a respeito que iniciei leitura e simplesmente não consegui parar até chegar na última página.
    O livro é leve, despretencioso e por isso mesmo, você acaba tão envolvido que ele acaba se tornando importante. E quando se da conta, já é amigo dos personagens, torce por eles e reconhece as questões enfrentadas em você mesmo.

    Harry Darwin é novo na escola St. Raphael, um ambiente magistralmente escrito pela autora, pois possui uma história e vida própria, tornando-se um dos personagens do livro. Harry ali esta graças a uma bolsa de estudo para seu esporte favorito, polo aquático. E para se mantér ali precisa não somente se dar bem com as pessoas, como também mostrar que ele vale a bolsa.

    Foto: Marcio Zanini | Acervo Pessoal | Divulgação

    Mas obvio que as coisas não saem como planejado. Um fato estranho acontece, ele quase se afoga e é salvo por um outro uma misteriosa pessoa. Todo o trauma deixa Harry confuso, sem saber se tudo é um pesadelo ou realmente aconteceu, até que o corpo de Damon Knight é encontrado no dia seguinte no mesmo lugar que ele teve seu acidente.
    A partir dai tudo se torna uma sucessão de fatos e busca pela verdade. Onde não somente irá descobrir a real personalidade das pessoas que o rodeiam como também irá desvendar mistérios e conhecer novos personagens e sentimentos dentro de si mesmo.

    Outro ponto interessante é tratado atráves das viagens no tempo entre passado e futuro e como isso influência a vida de todos. Há toda uma estrutura entre os que podem viajar no tempo, os monstros que essas fraturas temporais geram, os guerreiros que caçam essas “anomalias”, dando a história um ar de fantasia. Mas não se preocupe, tudo é feito de forma coerente e agradável que só acaba deixando o livro ainda mais bacana.
    E o romance? Acontece de forma tão natural que você mal percebe ser tragado para dentro desse amor com a força de um buraco negro.

    Foto: Marcio Zanini | Acervo Pessoal | Divulgação

    A autora, Ana Luiza Savioli, está de parabéns, uma escrita agradável, fluida, bem conduzida em sentimentos e fatos criativos e interessantes. Uma história original, nova e cativante.

    Não ligo e nunca liguei para uma história escrita por um autor brasileiro que não se passa no Brasil. Pro meu gosto pessoal isso tudo é uma “bobeira”, ligo pra pessoa escrever ótimos livros e ótimas histórias. E isso a Ana Luiza faz com maestria.
    Para quem gosta do genero, YA, Lgbt. Esse livro é o melhor que li até agora do gênero.

    Nenhum comentário: